top of page

Desemprego. Conheça os "Seguros Amigos" e atravesse essa fase com planejamento e proteção.



Ser demitido é sempre um momento delicado. É uma fase de grandes incertezas e de muito medo. Mas como tudo na vida, com planejamento prévio, é possível passar por esse momento de maneira menos dolorosa e principalmente, sem dívidas e sufoco. Além de organização e disciplina, existem alguns seguros que são verdadeiros amigos para esses momentos.


Organização

Mantenha sempre anotado tanto os recursos disponíveis, como suas contas fixas e seus gastos do dia a dia. Contabilize tudo que você pode receber após uma demissão, incluindo férias, 13º proporcional, FGTS, e ainda o seguro-desemprego.

Enxugue antes Com a previsão do orçamento em mãos, faça simulações do que é possível enxugar: cortar temporariamente gastos com TV a cabo, refeições fora de casa, empregado fixo ou salão de beleza, por exemplo. Mesmo algumas contas fixas podem ser reduzidas. Repense seu consumo de luz e água e sua lista de compras do supermercado.

Pague à vista Opte sempre que possível por pagar à vista. Os juros do cartão de crédito são altos e podem comprometer a sua renda e seu limite. Pagar no débito tem como benefício, muitas vezes, obter algum desconto.

"Seguros Amigos"


Existem alguns seguros que podem ser uma grande ajuda nesse momento complicado. É o caso do Seguro Cota Protegida, que amortiza o pagamento do condomínio, em caso da perda involuntária de emprego, renda, morte ou invalidez do condômino.

Outra boa opção é o Seguro Condolar, que garante esses benefícios e ainda um pagamento de indenização aos segurados (que possuam vínculo empregatício) em situações de desemprego involuntário e aos profissionais liberais ou autônomos, em caso de incapacidade temporária, por doença ou acidente.

Tem ainda o Seguro Aluguel Protegido, que garante o pagamento de aluguel, nos casos de morte, invalidez ou perda de renda.

bottom of page